Nova Liturgia

<<  24/06/2019 (2ª-FEIRA)  >>

2ª-FEIRA DA 12ª SEMANA - TEMPO COMUM

1a Leitura - ANO IMPAR - Gn 12,1-9

Abrão partiu, como o Senhor lhe havia dito.
Leitura do Livro do Gênesis 12,1-9
Naqueles dias:
1O Senhor disse a Abrão:
'Sai da tua terra, da tua família
e da casa do teu pai,
e vai para a terra que eu te vou mostrar.
2Farei de ti um grande povo
e te abençoarei:
engrandecerei o teu nome,
de modo que ele se torne uma bênção.
3Abençoarei os que te abençoarem
e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem;
em ti serão abençoadas todas as famílias da terra!'.
4E Abrão partiu,
como o Senhor lhe havia dito, e Ló foi com ele.
Tinha Abrão setenta e cinco anos, quando partiu de Harã.
5Ele levou consigo sua mulher Sarai,
seu sobrinho Ló e todos os bens que possuíam,
bem como todos os escravos que haviam adquirido em Harã.
Partiram rumo à terra de Canaã
e ali chegaram.
6Abrão atravessou o país até o santuário de Siquém,
até o carvalho de Moré.
Os cananeus estavam então naquela terra.
7O Senhor apareceu a Abrão e lhe disse:
'Darei esta terra à tua descendência'.
Abrão ergueu ali um altar ao Senhor, que lhe tinha aparecido.
8De lá, deslocou-se em direção ao monte
que estava a oriente de Betel,
onde armou sua tenda,
com Betel a ocidente e Hai a oriente.
Ali construiu também um altar ao Senhor,
e invocou o seu nome.
9Depois, de acampamento em acampamento,
Abróo foi até o Negueb.
Palavra do Senhor.

Salmo - ANO IMPAR - Sl 32,12-13. 18-19. 20.22 (R. 12b)

R. Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!
12Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, *
e a nação que escolheu por sua herança!
13Dos altos céus o Senhor olha e observa; *
ele se inclina para olhar todos os homens.
R.

18Mas o Senhor pousa o olhar sobre os que o temem, *
e que confiam esperando em seu amor,
19para da morte libertar as suas vidas *
e alimentá-los quando é tempo de penúria.
R.

20No Senhor nós esperamos confiantes, *
porque ele é nosso auxílio e proteção!
22Sobre nós venha, Senhor, a vossa graça, *
da mesma forma que em vós nós esperamos!
R.

Evangelho - ANO IMPAR - Mt 7,1-5

Tira primeiro a trave do teu próprio olho.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 7,1-5
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
1'Não julgueis, e não sereis julgados.
2Pois, vós sereis julgados
com o mesmo julgamento com que julgardes;
e sereis medidos, co a mesma medida com que medirdes.
3Por que observas o cisco no olho do teu irmão,
e não prestas atenção à trave que está no teu próprio olho?
4Ou, como podes dizer ao teu irmão:
'deixa-me tirar o cisco do teu olho',
quando tu mesmo tens uma trave no teu?
5Hipócrita, tira primeiro a trave do teu próprio olho,
e então enxergarás bem
para tirar o cisco do olho do teu irmão.
Palavra da Salvação.

NATIVIDADE DE SÃO JOÃO BATISTA - SANTORAL

1a Leitura - SANTORAL - Jr 1,4-10

div class='cit_direita_italico'>Antes de formar-te no ventre
materno, eu te conheci.

Leitura do Livro do Profeta Jeremias 1,4-10
Nos dias de Josias:
4Foi-me dirigida a palavra do Senhor, dizendo:
5'Antes de formar-te no ventre materno, eu te conheci;
antes de saíres do seio de tua mãe,
eu te consagrei e te fiz profeta das nações'.
6Disse eu: 'Ah! Senhor Deus,
eu não sei falar, sou muito novo'.
7Disse-me o Senhor:
'Não digas que és muito novo;
a todos a quem eu te enviar, irás,
e tudo que eu te mandar dizer, dirás.
8Não tenhas medo deles,
pois estou contigo para defender-te', diz o Senhor.
9O Senhor estendeu a mão, tocou-me a boca e disse-me:
'Eis que ponho minhas palavras em tua boca.
10Eu te constituí hoje sobre povos e reinos
com poder para extirpar e destruir,
devastar e derrubar,
construir e plantar'.
Palavra do Senhor.

1a Leitura - SANTORAL - Is 49,1-6 (Leitura Facultativa)

Eu te farei luz das nações, para que
minha salvação chegue até aos confins da terra.
(2º canto do Servo do Senhor)
Leitura do Livro do Profeta Isaías 49,1-6
1Nações marinhas, ouvi-me, povos distantes, prestai atenção:
o Senhor chamou-me antes de eu nascer,
desde o ventre de minha mãe
ele tinha na mente o meu nome;
2fez de minha palavra uma espada afiada,
protegeu-me à sombra de sua mão
e fez de mim uma flecha aguçada,
escondida em sua aljava,
3e disse-me:'Tu és o meu Servo,
Israel, em quem serei glorificado'.
4E eu disse:'Trabalhei em vão,
gastei minhas forças sem fruto, inutilmente;
entretanto o Senhor me fará justiça
e o meu Deus me dará recompensa'.
5E agora diz-me o Senhor
- ele que me preparou desde o nascimento
para ser seu Servo - que eu recupere Jacó para ele
e faça Israel unir-se a ele;
aos olhos do Senhor esta é a minha glória.
6Disse ele:'Não basta seres meu Servo
para restaurar as tribos de Jacó
e reconduzir os remanescentes de Israel:
eu te farei luz das nações,
para que minha salvação
chegue até aos confins da terra'.
Palavra do Senhor.

Salmo - SANTORAL - Sl 70(71),1-2.3-4a.5-6ab.15ab e 17 (R. 6b)

R. Desde o seio maternal, sois meu amparo.
1Eu procuro meu refúgio em vós, Senhor:*
que eu não seja envergonhado para sempre!
2Porque sois justo, defendei-me e libertai-me!*
Escutai a minha voz, vinde salvar-me!R.
3Sede uma rocha protetora para mim,*
um abrigo bem seguro que me salve!
Porque sois a minha força e meu amparo, +
o meu refúgio, proteção e segurança! *
4aLibertai-me, ó meu Deus, das mãos do ímpio.R.
5Porque sois, ó Senhor Deus, minha esperança, *
em vós confio desde a minha juventude!
6aSois meu apoio desde antes que eu nascesse, *
6bdesde o seio maternal, o meu amparo.R.
15aMinha boca anunciará todos os dias *
15bvossa justiça e vossas graças incontáveis.
17Vós me ensinastes desde a minha juventude, *
e até hoje canto as vossas maravilhas.R.

2a Leitura - SANTORAL - 1Pd 1,8-12

Esta salvação tem sido objeto das
investigações e meditações dos profetas.
Leitura da Primeira Carta de São Pedro 1,8-12

Caríssimos:
8Sem ter visto o Senhor, vós o amais.
Sem o ver ainda, nele acreditais.
Isso será para vós fonte de alegria
indizível e gloriosa,
9pois obtereis aquilo em que acreditais:
a vossa salvação.
10Esta salvação tem sido objeto
das investigações e meditações dos profetas.
Eles profetizaram a respeito da graça
que vos estava destinada.
11Procuraram saber a que época e a que circunstâncias
se referia o Espírito de Cristo, que estava neles,
ao anunciar com antecedência os sofrimentos de Cristo
e a glória conseqüente.
12Foi-lhes revelado que, não para si mesmos,
mas para vós, estavam ministrando estas coisas,
que agora são anunciadas a vós
por aqueles que vos pregam o evangelho
em virtude do Espírito Santo, enviado do céu;
revelações essas, que até os anjos desejam contemplar!
Palavra do Senhor.

2a Leitura - SANTORAL - At 13,22-26 (Leitura Facultativa)

Antes que Jesus chegasse,
João pregou um batismo de conversão.
Leitura dos Atos dos Apóstolos 13,22-26

Naqueles dias, Paulo disse:
22Deus fez surgir Davi como rei
e assim testemunhou a seu respeito:
'Encontrei Davi, filho de Jessé,
homem segundo o meu coração,
que vai fazer em tudo a minha vontade'.
23Conforme prometera, da descendência de Davi
Deus fez surgir para Israel um Salvador,
que é Jesus.
24Antes que ele chegasse,
João pregou um batismo de conversão
para todo o povo de Israel.
25Estando para terminar sua missão, João declarou:
'Eu não sou aquele que pensais que eu seja!
Mas vede: depois de mim vem aquele,
do qual nem mereço desamarrar as sandálias'.
26Irmãos, descendentes de Abraão,
e todos vós que temeis a Deus,
a nós foi enviada esta mensagem de salvação.
Palavra do Senhor.

Evangelho - SANTORAL - Lc 1,5-17

Tua esposa vai ter um filho,
e tu lhe darás o nome de João.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 1,5-17

5Nos dias de Herodes, rei da Judéia,
vivia um sacerdote chamado Zacarias,
do grupo de Abia.
Sua esposa era descendente de Aarão
e chamava-se Isabel.
6Ambos era justos diante de Deus
e obedeciam fielmente
a todos os mandamentos e ordens do Senhor.
7Não tinham filhos, porque Isabel era estéril,
e os dois já eram de idade avançada.
8Em certa ocasião, Zacarias estava exercendo
as funções sacerdotais no Templo,
pois era a vez do seu grupo.
9Conforme o costume dos sacerdotes,
ele foi sorteado para entrar no Santuário,
e fazer a oferta do incenso.
10Toda a assembléia do povo
estava do lado de fora rezando,
enquanto o incenso estava sendo oferecido.
11Então apareceu-lhe o anjo do Senhor,
de pé, à direita do altar do incenso.
12Ao vê-lo, Zacarias ficou perturbado
e o temor apoderou-se dele.
13Mas o anjo disse:
'Não tenhas medo, Zacarias,
porque Deus ouviu tua súplica.
Tua esposa, Isabel, vai ter um filho,
e tu lhe darás o nome de João.
14Tu ficarás alegre e feliz,
e muita gente se alegrará com o nascimento do menino,
15porque ele vai ser grande diante do Senhor.
Não beberá vinho nem bebida fermentada
e, desde o ventre materno,
ficará repleto do Espírito Santo.
16Ele reconduzirá muitos do povo de Israel
ao Senhor seu Deus.
17E há de caminhar à frente deles,
com o espírito e o poder de Elias,
a fim de converter os corações dos pais aos filhos,
e os rebeldes à sabedoria dos justos,
preparando para o Senhor um povo bem disposto'.
Palavra da Salvação.

Evangelho - SANTORAL - Lc 1,57-66 (Leitura Facultativa)

Nascimento de João Batista.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 1,57-66
57Completou-se o tempo da gravidez de Isabel,
e ela deu à luz um filho.
58Os vizinhos e parentes ouviram dizer
como o Senhor tinha sido misericordioso
para com Isabel, e alegraram-se com ela.
59No oitavo dia, foram circuncidar o menino,
e queriam dar-lhe o nome de seu pai, Zacarias.
60A mãe porém disse:
'Não! Ele vai chamar-se João.'
61Os outros disseram:
'Não existe nenhum parente teu com esse nome!'
62Então fizeram sinais ao pai,
perguntando como ele queria que o menino se chamasse.
63Zacarias pediu uma tabuinha, e escreveu:
'João é o seu nome.'
64No mesmo instante, a boca de Zacarias se abriu,
sua língua se soltou, e ele começou a louvar a Deus.
65Todos os vizinhos ficaram com medo,
e a notícia espalhou-se
por toda a região montanhosa da Judéia.
66E todos os que ouviam a notícia, ficavam pensando:
'O que virá a ser este menino?'
De fato, a mão do Senhor estava com ele.
Palavra da Salvação.